BIG Festival 2018 divulga lista de vencedores e suas categorias

Jogos

Game de sobrevivência em sociedade para PC, Frostpunk, desenvolvido pela polonesa 11 bits, foi eleito o Melhor Jogo do BIG Festival 2018, maior evento de games independentes da América Latina. Os jogos brasileiros também figuraram entre os principais destaques, levando prêmios em oito categorias.

Do estúdio paulistano Mad Mimic Interactive, No Heroes Here foi considerado o Melhor Jogo Brasileiro e caiu nas graças do público, levando também o Voto Popular.

A lista de vencedores ainda inclui o francês Dead Cells, como Melhor Gameplay e o brasileiro Fofuu, como Melhor Jogo Infantil, categoria estreante do evento.

Nas categorias BIG Starter, que vai ajudar no financiamento de projetos nacionais, os vencedores foram Mompas (BIG Starter Educacional) e One Beat Min (BIG Starter Entretenimento). Cada vencedor receberá R$ 20 mil, patrocinados pelo BNDES, e um troféu. Para participar, o projeto tinha que encontrar-se em um estágio de desenvolvimento apresentável por meio de modelo funcional, mesmo que não interativo.

Novidade desta edição, a categoria Melhor Jogo de Estudante deu o prêmio ao game Motif., desenvolvido por Yeta Game, na Instituição Hacettepe University & Gazi University, da Turquia.

Menção honrosa e grande destaque do Panorama Brasil, o jogo brasileiro Wild Glory, feito por estudantes da PUC do Paraná, foi uma das surpresas do BIG Festival 2018, com um gameplay viciante. “Um frenético multiplayer competitivo em que personagens carismáticas se digladiam diante de um público fanático. A diversão é garantida, mas tome cuidado para não perder suas amizades”, comenta o júri.

Veja abaixo a lista completa de vencedores:

OBS.: As categorias com asterisco (*) não foram avaliadas pelo júri internacional do festival. Os jogos premiados nestas categorias específicas foram escolhidos por júris especializados, descritos logo abaixo.


Patryk Grzeszczuk, da 11bit, recebe o prêmio de Marcia Nejaim, diretora de negócios da APEX Brasil

Melhor Jogo
VENCEDOR: Frostpunk (11bit Studios), da Polônia
Comentário do Júri Internacional:
“Seu gameplay inteligente alcança um novo marco ao combinar estratégia, conexão emocional e fantástico visual artístico.”

Melhor Jogo Brasileiro e Melhor Jogo Voto Popular
VENCEDOR: No Heroes Here (Mad Mimic Interactive), do Brasil
Comentário do Júri Internacional:
“Amizades frenéticas e gameplay caótico. É isso que um couch co-op tem que ser.”

Melhor Jogo da América Latina
VENCEDOR:Iron Marines (Ironhide Game Studio), do Uruguai
Comentário do Júri Internacional:
“A grande conquista de perfeitamente traduzir um RTS para mobile.”

Melhor Gameplay
VENCEDOR: Dead Cells (Motion Twin),da França
Comentário do Júri Internacional:
“Mecânicas inovadoras combinadas com direção de arte linda chamam a atenção até daqueles que nunca ouviram falar do gênero metroidvania.”

Melhor Multiplayer
VENCEDOR: Muddledash (Slampunks), do Reino Unido
Comentário do Júri Internacional:
“Uma reimaginação única, acessível e muito fofa do gênero de corrida.”

*Melhor Jogo Infantil
Fofuuú (FOFUUU SOLUÇÕES TECNOLÓGICAS PARA SAÚDE E EDUCAÇÃO LTDA), do Brasil
Comentário do Júri:
“Um game que coloca empatia e diversão em fonoaudiologia.”

*Melhor Jogo BIG Brands
VENCEDOR: PSG FOOTBALL FREESTYLE (Hermit Crab Studio), do Brasil
Cliente: Paris Saint-Germain (PSG Football Club)
Comentário do Júri:
“Jogo que explora o tema do futebol de maneira bastante interessante, com jogabilidade desafiadora e conceito visual dinâmico. PSG Football Freestyle entrega uma boa experiência casual e valoriza a marca do cliente.”

*BIG Impact – Educacional
VENCEDOR: MARVELLOUS INC (Marvellous Soft), do Brasil
Comentário do Júri:
“Introduz os jogadores ao mundo da lógica de programação, alcançando uma experiência sólida e engajadora.”

BIG Impact – Questões Sociais
VENCEDOR: Lenin The Lion (Lornyon), do Brasil
Comentário do Júri Internacional:
“Lenin the Lion lida com uma importante e complexa questão social como a depressão através de gameplay simples e cativante.”

Melhor Jogo de Realidade Virtual
VENCEDOR: Luna (Funomena LLC), dos Estados Unidos
Comentário do Júri Internacional:
“Um exuberante playground imersivo que é perfeito para VR.”

Melhor Arte
VENCEDOR: CHUCHEL (Amanita Design), da República Tcheca
Comentário do Júri Internacional:
“É como estar em um programa de criança, impossível não sorrir.”

Melhor Narrativa
VENCEDOR: Where The Water Tastes Like Wine (Dim Bulb Games), dos Estados Unidos
Comentário do Júri Internacional:
“Uma façanha narrativa. Um time colaborativo de 21 escritores uniram forças para construir essa coesa coleção de fábulas interativas.”

Inovação
VENCEDOR: Haimrik (Below The Game), da Colômbia
Comentário do Júri Internacional:
“Inovação é a palavra. Literalmente.”

Melhor Som
VENCEDOR: Rhythm Doctor (7th Beat Games), do Peru
Comentário do Júri Internacional:
“Faz seu coração bater.”

Melhor Jogo de Estudante
VENCEDOR : Motif (Yeta Gamefrost), Turquia
Comentário do Júri Internacional:
“Um caleidoscópio de diversão geométrica”.

*Menção Honrosa – Melhor Jogo de Estudante Brasileiro
VENCEDOR: WILD GLORY (LAJE Studios e Manalith Studios), da PUC-PR
Comentário do Júri:
“Um frenético multiplayer competitivo em que personagens carismáticas se digladiam diante de um público fanático. A diversão é garantida, mas tome cuidado para não perder suas amizades.”

BIG Starter – Melhor Jogo Educacional ou de Impacto Social
VENCEDOR: Mompas (Studio Nebulosa)
Comentário do Júri:
“Divertido, educativo e competitivo. Leva em conta os conhecimentos individuais.”

BIG Starter – Melhor Jogo de Entretenimento
VENCEDOR: One Beat Min (PixJuice)
Comentário do Júri:
“Proposta diferenciada com estética singular e potencial de público.”

Especialistas BIG 2018
Antonio Teoli: Especialista de Som
Ricardo Troula: Especialista de Arte
Carlos Eduardo Nogueira: Especialista de Narrativa

Consultoria de Gameplay
Marcos Venturelli

Jurados Internacionais BIG 2018
Lauren Freeman: Senior Manager, External Development – Electronic Arts
Reginaldo Valadares: Head of Studio – Rovio
John Comes: CTO, tinyBuild
Luis Wong: Overseas Operations Manager – IndieNova
David Wood: Business Development – Bandai Namco Entertainment America

Jurados BIG Starter Melhor Jogo Educacional ou de Impacto Social

Carlos Estigarribia – Gazeus
Diego Nyco – BNDES
Erica Dalessandro  – Ancine
Marcus Alvarenga – Finep
Mariana Gomes – Apex Brasil
Mario Lapin – Virgo Game
Samuel Lange – TV Escola

Jurados BIG Starter – Melhor Jogo de Entretenimento

Carlos Estigarribia – Gazeus
Diego Nyco – BNDES
Erica Dalessandro  – Ancine
Marcus Alvarenga – Finep
Mariana Gomes – Apex Brasil
Mario Lapin – Virgo Game
Samuel Lange – TV Escola

Jurados Melhor Jogo Infantil

Na estreia desta categoria no festival, os jogos foram avaliados pelos maiores especialistas do muuuundo: as próprias crianças. Convidamos as crianças do GRAACC – Grupo de Apoio à Criança e ao Adolescente com Câncer – para nos ajudar nessa incrível missão. Os jogos finalistas ficaram disponíveis na brinquedoteca do hospital. Após uma semana de muita brincadeira, a garotada elegeu o…

Jurado Melhor Jogo BIG Brands: Vince Vader

Game designer, com mais de trinta jogos desenvolvidos. Atua também como pesquisador e professor de Criação Digital na Escola Superior de Propaganda e Marketing (ESPM), onde coordena o seu Gamelab.

Jurados Melhor Jogo de Estudante

**A produção de jogos desenvolvidos por estudantes vem ganhando destaque no Brasil e em todo o mundo. Na edição deste ano do BIG Festival, um júri formado por professores de sete universidades brasileiras decidiu conferir uma distinção ao melhor jogo desenvolvido por estudantes brasileiros. O júri foi composto pelos seguintes professores:  Ana Beatriz Bahia (UDESC), Breno Carvalho (Unicap), Felipe Ferreira Costa (IESB), João Ricardo  Bittencourt (Unisinos), Lizie Nascimento (Unifor), Lynn Alves (UNEB) e Rodrigo Motta (Unifacisa).

Jurados BIG Impact – Educacional

Jean Rafael Tomceac
Pesquisador e profissional de Tecnologia e Mídias Digitais especialista em Educação, com atuação junto a diversos órgãos públicos e privados no Brasil e exterior.

Fernanda Sarmento
Doutora em Design pela FAU-USP e professora da FACAMP. Atua em seu próprio estúdio desde 1994, tendo conquistado diversos prêmios. Possui destacada atuação na área de Design e Sustentabilidade.

Beth Carmona
Possui destacada atuação no segmento infanto-juvenil, com passagens pela TVE, Disney Brasil, Discovery Kids, TV Cultura, entre outras. Atualmente é diretora geral e editorial da comKids.

Matheus Bigogno

Estudante do curso superior de Jogos Digitais. Começou como estudante de Ciência da Computação, mas sempre soube que sua vida iria envolver jogos de alguma forma. Amante de quadrinhos, principalmente a linha da Vertigo, seriados, e filmes. Ama a cultura pop, nerd, e geek. Fã de um bom Rock Progressivo, ama bandas como Pink Floyd, Genesis, Rush e Jethro Tull. Escreve em blogs desde 2010, sempre gostou do formato e de tudo que envolve essa arte. Gosta de escrever sobre tudo: a vida, o Universo e tudo mais.