Destiny 2 Renegados: demo e modo artimanha

E3, Jogos

Deixe já avisar que este texto foi escrito a 4 mãos, pois quem jogou o story mode de Destiny 2 Renegados não fui eu e sim o Matheus. Já o modo artimanha nós dois que jogamos.

Vamos começar com a demo do story mode (jogado pelo Matheus). A demo é uma das missões da história, que vai criar o cenário para a cena vista no trailer de revelação do jogo. Basicamente o que aconteceu é que houve uma fuga de prisioneiros na Prison of Elders, e o jogador tem que ver o que aconteceu, mas claro que não é tão simples assim. Tem destruição pra tudo quanto é lado, e vários prisioneiros que escaparam e estão causando caos no local; e sua missão é ajudar Cayde-6 a resolver isso.

Jogar a demo foi uma experiência boa e realmente imersiva da série Destiny, mantendo todo o comprometimento com o universo da série, inserindo inimigos num fluxo balanceado que vai guiando a medida que os leveis são divididos em grandes áreas e pequenos corredores, para quebrarem a monotonia. Toda a ambientação e rever personagens icônicos fez com que a experiência fosse absolutamente interessante e agradável, e realmente fez valer a pena todo o spoiler que vem a seguir.

O mais importante que precisa ficar claro é: Cayde-6 realmente se foi, mas o que mais importa é que ele não deixou a desejar mesmo no momento de sua morte. Entretanto, a frase que mais marcou o gameplay foi: “Como está sua irmã?” Mesmo na morte Cayde honrou quem ele é.

Já o modo Artimanha é um novo modo de jogo híbrido 4v4 para Destiny 2: Renegados; que mescla experiências PvE e PvP em batalha.

O que ocorre nele é que duas gangues de Guardiões competem em arenas separadas para ver quem é melhor em caçar inimigos. Quem matar o chefe primeiro ganha.

O seu time tem que matar inimigos para conseguir fagulhas que você deve coletar e depositar em uma estrutura central. Se você depositar 5, 10 ou 15 fagulhas de uma vez e você envia um bloqueador ao outro time. Após depositar 25 ou 50 fagulhas um portal é aberto e um dos membros do seu time pode invadir a arena do oponente para atrapalhá-los.

Após juntar 75 fagulhas, um Primitivo é invocado, vulgo, o chefe que deve ser derrotado. A equipe que derrotar o Primitivo primeiro, ganha. Só que enquanto sua equipe luta contra o Primitivo, o time adversário pode mandar alguém para a sua arena para atrapalhar a sua batalha, inclusive curando o chefe.

Os controles são bem intuitivos, e foi bem simples de jogar, além de ter sido muito divertido. Os inimigos são bem interessantes e difíceis, gerando um game play bem agradável; que mesmo quem nunca jogou Destiny antes vai conseguir ter uma boa experiência e se divertir jogando.

Celina Campos

Médica, viciada em livros, filmes, séries, jogos e mangá.