E3 2018: O que rolou na Bethesda

Análise, E3

Uma conferência muito aguardada, ainda mais por causa da movimentação pesada das redes sociais da Bethesda sobre o Rage 2, e você vai poder conferir aqui, um resumo do que rolou na conferência.

Rage 2

Apesar de termos visto um trailer de lançamento de Rage umas semanas atrás, a Bethesda fez, oficialmente, o anúncio com trailer e data.

The Elder Scrolls Legends para console

Christian Van Hooge assume o palco para anunciar que o jogo será relançado, renovado para a geração atual de consoles;

Wolfhunter and Murkmire DLC

Cotadas para lançarem este ano, as duas DLC’s fazem parte do universo The Elder Scrolls Online.

Doom Ethernal

A sequência do reboot do Doom, foi anunciada com um teaser, porém haverá mais informações na QuakeCon que acontecerá em breve.

Wolfenstein 2


Uma experiência cooperativa de Wolfenstein 2 chamada de Youngblood Revealed, se passará em Paris na década de 80, terá como protagonistas as filhas gêmeas de B.J. Blazkowicz, permitindo dois jogadores jogarem junto.

Além disso, foi anunciado uma experiência de Prey e Wolfenstein em VR.

Fallout 76

Há algumas semanas a bethesda liberou informações, assim como um teaser do novo Fallout 76, que contará um pouco mais sobre a história do mundo de Fallout. Ficou bem claro também que o jogo será uma experiência completamente online e chegará 14 de Novembro.

The Elder Srolls Blade

Novo jogo de mobile que tem um estilo meio roguelike, pvp battle arena e também terá um modo história.

The Elder Scrolls VI

Talvez a maios excitação da noite na conferência, foi nitidamente deixada para o final por um motivo. Além de fallout, um dos maires títulos da empresa está sendo a franquia do Elder Scrolls. Portanto, fiquem com o trailer de Elder Scrolls VI

Matheus Bigogno

Estudante do curso superior de Jogos Digitais. Começou como estudante de Ciência da Computação, mas sempre soube que sua vida iria envolver jogos de alguma forma. Amante de quadrinhos, principalmente a linha da Vertigo, seriados, e filmes. Ama a cultura pop, nerd, e geek. Fã de um bom Rock Progressivo, ama bandas como Pink Floyd, Genesis, Rush e Jethro Tull. Escreve em blogs desde 2010, sempre gostou do formato e de tudo que envolve essa arte. Gosta de escrever sobre tudo: a vida, o Universo e tudo mais.